Tem um pedido médico e precisa de ajuda?
Envie a foto do seu pedido médico e retornamos um orçamento com os melhores preços para você!

Alfafetoproteína

Por que fazer o exame Alfafetoproteína?

A dosagem de Alfafetoproteína é indicada no acompanhamento de doenças do fígado ou de tumores hepáticos e de testículos. Não é utilizada como triagem para tumores.

Em conjunto com a dosagem de HCG total ou livre e estriol faz parte de exames denominados de testes de triagem antenatal duplo ou triplo.

Como me preparar para o exame Alfafetoproteína?

Não há orientações para a realização do exame.

Como é feito o exame Alfafetoproteína?

Para a realização deste exame, é preciso coletar amostra de sangue de uma veia, geralmente localizada no braço. O número de tubos coletados varia de acordo com a quantidade e tipos de exames. A coleta pode ser realizada em uma de nossas unidades ou com coleta domiciliar por meio do agendamento no site.

– Antes da punção da veia, a área escolhida é limpa com algodão embebido em álcool;
– Acima do local limpo, o braço é garroteado para pressionar a circulação e deixar a veia mais evidente;
– A seguir, uma agulha fina é delicadamente introduzida na veia para que o sangue seja coletado.

O processo é simples e breve, mas pode causar desconforto, como a dor no momento da introdução da agulha. O local da punção poderá ficar ligeiramente roxo, voltando a cor normal em poucos dias.

Quais são os resultados possíveis para o exame Alfafetoproteína?

O valor de referência do Exame de Alfafetoproteína é inferior a 8,00 ng/mL.

A alfafetoproteína (AFP) é uma proteína produzida no fígado do feto e diminui depois do nascimento. Pessoas normais apresentam produção de alfafetoproteína pelo fígadoo em pequenas quantidades. O aumento desta substância ocorrem em tumores (fígado e testículo) e em algumas doenças do fígado.

Em conjunto com outros exames (betaHCG e estriol) pode ser usada como marcador de problemas no feto, durante a gestação.

Mais exames