Tem um pedido médico e precisa de ajuda?
Envie a foto do seu pedido médico e retornamos um orçamento com os melhores preços para você!

ANTICORPOS ANTI CORTEX ADRENAL

Anticorpos anti córtex adrenal são marcadores sensíveis e específicos para a Doença de Addison autoimune. Em adultos, a doença de Addison (DA) pode ser causada pela destruição autoimune das células do córtex adrenal, a qual pode se apresentar de forma isolada ou estar associada a outras endocrinopatias, caracterizando síndromes poliglandulares autoimunes. A doença também pode ser secundária à infecção tuberculosa, fúngica ou viral, infiltração por neoplasias primárias ou metastáticas, hemorragia ou trombose adrenal, amiloidose, sarcoidose, hemocromatose, ou estar relacionada ao uso de drogas que interferem com a esteroidogênese adrenal. Essas etiologias são mais comuns com o avanço da idade. As manifestações clínicas da DA podem ser inespecíficas, dificultando o diagnóstico. Os principais sintomas incluem fadiga, fraqueza, anorexia, perda de peso, tontura, náusea e vômito. Os anticorpos anti córtex adrenal estão presentes em mais de 90% dos casos desde o início da doença. Também são encontrados em indivíduos acometidos por tuberculose, fungos ou destruição metastática da adrenal. Anticorpos anti-adrenal também estão presentes em pacientes com hipotioroidismo e em alguns casos de Hashimoto.

Preparação:

Tubo seco: (ASREN)Realizar coleta utilizando tubo seco. Após retração completa do coágulo, centrifugar a amostra, separar o soro e acondicionar corretamente conforme estabelecido para o exame. Tubo com gel separador: (ASREN)Homogeneizar imediatamente após a coleta e manter o tubo em repouso verticalmente para a completa retração do coágulo em temperatura ambiente, para evitar hemólise. Após este período, centrifugar a amostra para obtenção do soro (sobrenadante) e acondicionar corretamente conforme estabelecido para o exame.

Mais exames