Tem um pedido médico e precisa de ajuda?
Envie a foto do seu pedido médico e retornamos um orçamento com os melhores preços para você!

NIPT Panorama® Natera – Básico

Por que fazer o NIPT Panorama® Natera – Básico?

O NIPT Panorama® Natera – Básico é recomendado para todas as gestantes a partir da nona semana de gestação.

Como me preparar para o NIPT Panorama® Natera – Básico?

Orientações gerais para o NIPT Panorama® Natera – Básico: – Este exame só pode ser realizado em gestações a partir de 9 semanas completas.
– A coleta no CEDIRLAB é realizada de segunda a sexta-feira, somente em dias úteis.
– A apresentação do pedido médico é obrigatória para realização do exame.
– O NIPT Panorama® Natera – Básico pode ser realizado em qualquer uma de nossas unidades ou por meio do atendimento domiciliar. Informações obrigatórias para a realização do teste: – Se houve fertilização in vitro
– Se a gestaçao é gemelar
– Se a gestação é por ovodoação (barriga solidária)
– Se recebeu transplante de medula
– Se recebeu transfusão de sangue nos últimos 4 meses
– Informar previamente se deseja saber o sexo do bebê. Sem essas informações, a amostra não será processada, gerando atraso na liberação do resultado. IMPORTANTE: Em algumas situações raras, o exame pode não ter um resultado, mas isto não significa que exista algum problema com o bebê. Isso acontece quando a quantidade de DNA do bebê no sangue materno é muito pequena – nestes casos será solicitada uma nova coleta.
O teste NÃO PODE ser realizado para as seguintes situações:
Gestação gemelar multipla (3 ou + fetos);
Gestação gemelar com 2 fetos, mas associada a ovodoação ou barriga solidaria;
Gestação gemelar em que houve perda (óbito) de um dos fetos (gêmeo evanescente ou gêmeo desaparecido);
Mulheres que receberam transplante de medula;
Mulheres que receberam transfusão de sangue nos últimos 4 meses;

Como o NIPT Panorama® Natera – Básico é feito?

Para a realização deste exame, é preciso coletar amostra de sangue de uma veia, geralmente localizada no braço. O número de tubos coletados varia de acordo com a quantidade e tipos de exames. A coleta pode ser realizada em uma de nossas unidades ou com coleta domiciliar por meio de agendamento no site. – Antes da punção da veia, a área escolhida é limpa com algodão embebido em álcool;
– Acima do local limpo, o braço é garroteado para pressionar a circulação e deixar a veia mais evidente;
– A seguir, uma agulha fina é delicadamente introduzida na veia para que o sangue seja coletado. O processo é simples e breve, mas pode causar desconforto, como a dor no momento da introdução da agulha. O local da punção poderá ficar ligeiramente roxo, voltando à cor normal em poucos dias. Os técnicos de coleta estão preparados para auxiliar em qualquer dificuldade. Se o desconforto for intenso, procure orientação em nossas unidades ou em um de nossos canais de atendimento online.

Quais são os resultados possíveis do NIPT Panorama® Natera – Básico?

O NIPT Panorama® Natera – Básico é um exame de triagem e seus resultados vêm com a referência de “Baixo Risco” ou “Alto Risco” para as seguintes cromossomopatias: • Trissomia Cromossomo 21 (síndrome de Down)
• Trissomia Cromossomo 18 (síndrome de Edwards)
• Trissomia Cromossomo 13 (síndrome de Patau)
• Monossomia do Cromossomo X (síndrome de Turner)
• Triploidia

NIPT Panorama® Natera é um exame de triagem que avalia o DNA do feto e fornece um valor de alto ou baixo risco para algumas anormalidades cromossômicas (como a síndrome de Down, Patau e Edwards, Turner e Klinefelter) e também determina com precisão qual é o sexo do bebê, mesmo em gestações gemelares. A análise do NIPT é feita por meio de uma amostra de sangue, sendo um exame não-invasivo que não apresenta nenhum risco para a mãe ou para o bebê.

Essa avaliação é possível, porque, durante a gravidez, uma parte do DNA do bebê fica presente na corrente sanguínea da mãe. Esta fração de DNA fetal contém algumas informações genéticas do bebê e, com isso, é possível estudar e sequenciar o DNA do feto para rastrear possíveis alterações cromossômicas que causam algumas síndromes genéticas.

NIPT Panorama® Natera – Básico utiliza a tecnologia do método SNPS que consiste na análise detalhada das individualidades genéticas da pessoa, podendo diferenciar o DNA da mãe do DNA do feto. A metodologia SNPS garante mais exatidão nos resultados, diminuindo as chances de falso positivo ou negativo.

Além disso, o NIPT Panorama® Natera – Básico identifica triploidias e gêmeo desaparecido, trazendo vantagens exclusivas para gestações gemelares, como a definição do sexo dos dois bebês e a especificação se os gêmeos são monozigóticos (gêmeos univitelinos ou idênticos) ou dizigóticos (gêmeos bivitelinos ou fraternos).

Mais exames

Precisa de ajuda?