A China superou os Estados Unidos e se tornou o país com mais vacinas contra a Covid-19 aplicadas do mundo, apontam dados do Our World in Data, ligado à Universidade de Oxford.

O país assumiu a liderança do ranking na terça-feira (27) e agora tem 243 milhões de doses administradas, contra 234 milhões dos EUA. Na sequência vem a Índia, com 147 milhões.

Juntos, os dois países concentram menos de 23% da população mundial e são responsáveis por mais de 45% de todas as vacinas já aplicadas no planeta.

EUA desaceleram, China dispara

Os EUA foram ultrapassados em meio à queda no ritmo de vacinação. O país, que chegou a atingir um recorde de 4,58 milhões de doses aplicadas no dia 13 de março, viu esse patamar cair para 2,23 milhões ontem (redução de 51%).

A queda ocorreu após o presidente dos EUA, Joe Biden, conseguir superar a sua meta de aplicar 200 milhões de doses nos 100 primeiros dias de mandato (a proposta inicial era 100 milhões, mas ele conseguiu dobrá-la).

Agora, o país tem quase 60 milhões de doses não usadas, segundo o médico Eric Topol, fundador do centro de estudos médicos Scripps Research Translational Institute, e encara um outro problema: convencer os mais novos e os mais céticos a se vacinarem.

Ao mesmo tempo, a China conseguiu acelerar a imunização da sua população de 2,32 milhões doses aplicadas no dia 18 para um recorde de 7,93 milhões ontem (alta de 242% e o maior patamar já atingido por um país).

O país já chegou a liderar a imunização, até 13 de janeiro, quando foi ultrapassado pelos EUA. Na ocasião, a China tinha 10 milhões de doses aplicadas, contra 10,28 milhões dos americanos.

Vacinação proporcional

Na vacinação proporcional, no entanto, a China ainda está muito atrás dos EUA.

O país é o mais populoso do mundo, com mais de 1,44 bilhão de habitantes, e tem mais que o quádruplo da população americana (331 milhões).

Com cerca de 17 doses a cada 100 habitantes, a China está muito atrás dos EUA (70) e em um patamar próximo ao do Brasil (19) e da Argentina (16).

Já os EUA estão entre os países que mais administraram doses em relação à população, mesmo sendo o 3º mais populoso.

Lideram esse ranking países menores, como Israel e Chile. As exceções no top 10 são os EUA e o Reino Unido.

Fonte: g1.globo.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *